Ouça em direto |

Rádio Maria, consigo a caminho da Páscoa

A Quaresma é caminho para a Páscoa do Senhor vivo e ressuscitado!

A Quaresma vem recordar-nos que o bem, como aliás o amor, a justiça e a solidariedade não se alcançam duma vez para sempre; hão de ser conquistados cada dia”. É o convite do Papa Francisco na sua mensagem para a Quaresma 2022, a partir de uma exortação do Apóstolo São Paulo.

A reflexão sugerida pelo Santo Padre é sobre a exortação de São Paulo aos Gálatas: “Não nos cansemos de fazer o bem; porque, a seu tempo colheremos, se não tivermos esmorecido. Portanto, enquanto temos tempo, pratiquemos o bem para com todos” (Gal 6, 9-10a).

Por isso, “não nos cansemos de rezar. Precisamos de rezar, porque necessitamos de Deus. A ilusão de nos bastar a nós mesmos é perigosa. Neste ponto o Papa Francisco recorda o nosso sofrimento com a pandemia: “No meio das tempestades da história, encontramo-nos todos no mesmo barco, pelo que ninguém se salva sozinho; mas sobretudo ninguém se salva sem Deus, porque só o mistério pascal de Jesus Cristo nos dá a vitória sobre as vagas tenebrosas da morte”. Após a experiência do sofrimento com a pandemia que afetou o mundo inteiro parece agora que a guerra na Ucrânia pode alastrar a um conflito a nível igualmente mundial.

Como não recordar as palavras de Nossa Senhora em Fátima pedindo aos Pastorinhos oração e penitência pela conversão da Rússia para que esta não espalhasse os seus erros pelo mundo levando à destruição da humanidade. O século XX já mostrou essa destruição, mas mostrou muito mais o poder transformador da oração e penitência. Três crianças desde Fátima mudaram a história do mundo. Envolvendo-nos na mudança começando pela nossa mudança! O Santo Padre convida-nos a que “Não nos cansemos de extirpar o mal da nossa vida. Possa o jejum corporal, a que nos chama a Quaresma, fortalecer o nosso espírito para o combate contra o pecado. Não nos cansemos de pedir perdão no sacramento da Penitência e Reconciliação, sabendo que Deus nunca Se cansa de perdoar”. O Papa recorda também que não devemos nos cansar de fazer o bem “através duma operosa caridade para com o próximo. Durante esta Quaresma, exercitemo-nos na prática da esmola, dando com alegria”. “A Quaresma – disse ainda o Papa Francisco – é tempo propício para procurar, e não evitar, quem passa necessidade; para chamar, e não ignorar, quem deseja atenção e uma boa palavra; para visitar, e não abandonar, quem sofre a solidão”.

O tempo de Quaresma é tempo propício à nossa conversão. Também aqui na Rádio Maria vivemos juntos esse apelo à conversão. “Neste tempo de conversão – explica ainda o Papa – buscando apoio na graça divina e na comunhão da Igreja, não nos cansemos de semear o bem. O jejum prepara o terreno, a oração rega, a caridade fecunda-o. Na fé, temos a certeza de que ‘a seu tempo colheremos, se não tivermos esmorecido’, e obteremos, com o dom da perseverança, os bens prometidos para salvação nossa e do próximo”.

Os que semeiam em lágrimas recolhem com alegria! Semeamos com a nossa oração e penitência nesta Quaresma para colhermos a paz para o mundo inteiro na Páscoa do Senhor Ressuscitado!

Com a Rádio Maria a sua melhor companhia a caminho da Páscoa!

Em união de oração com Maria e José, em Cristo, invoco a bênção divina para cada um de vós neste tempo santo da Quaresma,

Padre Marco Luís

email: director@radiomaria.pt

Other Director's Messages